Sobre o Casa de Tereza e Chef Tereza Paim

Atualizado: Jun 13

Natural de Tanquinho, cidade do interior da Bahia, Tereza Paim trocou as áreas de

Ciências da Computação e Engenharia de Qualidade para adentrar no universo

gastronômico, sua grande paixão, há dezessete anos.

“Foi um processo de vida essa

mudança! Migrei para uma seara que tinha vontade e curiosidade e não parei mais”, diz.

Antes de ancorar no Rio Vermelho, num charmoso sobrado datado de 1836, a chef

comandou por 10 anos o restaurante Terreiro Bahia, na Praia do Forte, com a

proposta que a guia até hoje, de oferecer o melhor da culinária baiana aos visitantes do

balneário do Litoral Norte. Ao longo dos sete anos do Casa de Tereza, o prato mais

vendido tem sido a Moqueca Ana Bueno, mas o cardápio autoral oferece diversas e

saborosas opções como as deliciosas moquecas e pratos da cozinha regional,

como Maniçoba, Anduzada, Rabada, Ensopado de Carneiro e muito mais. “Cozinho

com arte e a arte humaniza as relações, não consigo viver sem ela. Em tudo eu vejo

arte e a culinária é pura arte”, diz a chef. Em parceria com a jornalista Sonia

Robatto, Tereza fez o livro Na Mesa da Baiana, editado pelo Senac, onde aglutina uma

variedade de receitas que fazem parte da sua história de vida.

Novo Restaurante

Da Bahia para o mundo! Inquieta e sempre comprometida com a gastronomia, arte, cultura e

sustentabilidade, a chef Tereza Paim abriu as portas do restaurante Mesa de Tereza – uma

extensão do Casa de Tereza, no Rio Vermelho –, no Salvador Bahia Airport, integrante da

rede VINCI Airports. Uma das mais novas operações de alimentação do aeroporto, com visão

privilegiada para a pista de aeronaves, o restaurante é fruto da parceria entre Tereza Paim e a

SSP DFA Latin América Restaurantes Brasil Ltda. 

Tabuleiro da Chef

O restaurante conta uma vendinha – batizada com os nomes do pai e do avô

de Tereza, Samuel e Tota – onde são comercializados diversos produtos típicos

baianos. Dentre os mais disputados estão as farofas artesanais – Amarelinha, Baianinha,


Branquinha, Churrasquinha, Duquesa, Sertaneja e Verdinha –, blends de farinhas

criados pela chef, além da linha de temperos, nos sabores Leguminho, Peixinho,

Feijãozinho, Bifinho, Arrozinho, Cordeirinho e Franguinho. As farofas, temperos e

ainda doces, pimentas e azeites são produzidos na fábrica Tabuleiro da Chef e vendidas

em locais estratégicos, como o Aeroporto Internacional Luis Eduardo Magalhães,

Perini, Almacén Pepe, Maricultura e Padaria Belo Rústico. “Nessa linha de produtos

artesanais elaborados com ingredientes de agricultura familiar, sem conservantes e

livres de aditivos químicos, eu coloco a minha paixão pela farinha e pela mistura de

sabores, aromas e texturas”, diz.

 

Prêmios

O Casa de Tereza, assim como sua chef, coleciona prêmios importantes.

Recentemente, o restaurante foi eleito como o melhor de 2019 do Nordeste, pela

Revista Prazeres da Mesa. Também tem no currículo prêmio da Veja Comer & Beber

Salvador, entre outros. “Um prêmio é uma consagração, mas permite a gente olhar o

caminho trilhado e mostra sempre essa responsabilidade de seguir se superando e com

foco no negócio”, avalia. Tereza Paim é uma das chefs baianas vistas fora da Bahia

como profissional que conseguiu atualizar e promover a culinária local, inovou, mas

com absoluto respeito às origens. E assim a chef segue seu trabalho, com respeito e

compromisso com os sabores, saberes, abraçando a arte e a cultura.

Contate-nos
  • Revista Vitrine do Aposentado
  • Revista Vitrine do Aposentado

Links Úteis

Post%20(2)_edited.jpg
Post%20(2)_edited.jpg
Post%20(2)_edited.jpg
Logovitrinedoaposentado_edited.jpg

© por vitrine empresarial